O seguro de viagem é projetado para proteger viajantes diversos, sendo essencial comprar seguro de viagem para obter uma maneira de cuidar de seu dinheiro caso seus planos de viagem forem cancelados ou interrompidos.

Ele pode fornecer um reembolso total ou parcial em caso de: doença ou morte de um membro do grupo de viagem ou parente próximo, se um operador turístico ou a companhia aérea tiverem algum problema, ou em vários outros casos.

Especialistas em comprar seguro de viagem dizem que quase todo mundo deveria pensar em alguns fatores específicos ao comprar um seguro de viagem. Por isso, estar ciente das informações passadas por eles é essencial.

1-) Tenha em mente o que é preciso saber, segundo especialistas, ao comprar seguro de viagem

É sempre importante comprar seguro de viagem, independentemente de quando e para onde você estiver indo. Ele pode impedir que você saia de casa “preparado” e volte para ela com uma conta milionário no bolso a pagar, por exemplo.

Especialistas também dizem que é mais do que fundamental comprar seguro de viagem quando você está:

  • Fazendo um cruzeiro;

  • Reservando passeios especiais como parte de sua viagem;

  • Viajando em um itinerário que exige pré-pagamento.

Isso acontece uma vez que muitas pessoas acreditam que as situações específicas acima estão automaticamente inclusas nas políticas ao comprar seguro de viagem, porém isso não é verdade.

2-) Compreenda as políticas de seu seguro

As apólices de seguro de viagem geralmente o reembolsam se sua viagem for interrompida ou cancelada devido a uma variedade de razões que normalmente seriam consideradas fora de seu controle.

Compreenda quais políticas estão envolvidas ao comprar seguro de viagem e foque-se em cobertura para:

  • Ferimento ou doença do segurado, de seu companheiro de viagem, de um membro de sua família ou de seu parceiro de negócios;

  • Furacão ou desastre natural que atinja o destino;

  • Falência ou inadimplência financeira da empresa de viagens;

  • Terrorismo ou evacuação obrigatória do destino;

  • Morte ou hospitalização do hospedeiro do destino;

  • Casa ou empresa danificada, vandalizada ou assaltada;

  • Deveres jurídicos, uma aparição judicial obrigatória e inesperada ou recolocação militar;

  • Ter que voltar com urgência para trabalhar, ser rescindido ou transferido;

  • Ser vítima de agressão criminosa antes da viagem;

  • Acidente de trânsito antes da viagem;

  • Roubo de passaporte ou visto antes da viagem;

  • Perda de acomodações no exterior devido a uma doença ou morte da família anfitriã ou amigos.

Naturalmente, as políticas variam, portanto, verifique as letras miúdas de qualquer política que esteja considerando antes de comprar seguro de viagem.

3-) Saiba quanto custa o seguro de viagem

Uma vez que você estiver confortável com o que está coberto e não coberto ao comprar seguro de viagem, você deve saber que as apólices dele geralmente custam cerca de 5% do valor total de uma viagem.

Não pague nada que vá muito além ou que esteja aquém disso, uma vez que você pode acabar se enfiando em enrascadas ao comprar seguro viagem internacional.

Outra coisa importante: nunca compre o plano de proteção de viagem do organizador da viagem ou do agente de viagens online. Eles são projetados para proteger a empresa e não o consumidor.

Dessa forma, você cairá no famoso golpe do “por que você não leu as políticas antes?”, que é algo que a grande maioria das pessoas não tende a fazer ao adquirir seu seguro.

Sabendo tudo sobre comprar seguro de viagem, aposte nessa ideia e viaje com o máximo de segurança que você merece e precisa, garantindo que tanto você, quanto sua família se sinta confortável com a ideia da viagem.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here